Traduzir

27 de maio de 2011

Pregação: Pecado - O obstáculo a experiência do amor de Deus

No último sábado, 21 de maio, aconteceu no Grupo João Paulo II minha pregação dentro do Seminário de Vida com o tema PECADO - O obstáculo a experiência do Amor de Deus. O roteiro foi seguido de acordo com a apostila do Ministério de Formação da RCC Nacional para que todos os Seminários de Vida nos grupos de oração seguissem o padrão. Luvado seja Deus por mais esta pregação !

Roteiro da Pregação (Integra)


Citações Bíblicas / CIC da pregação

João 16, 9: Não crer em Jesus (conceito de pecado - Novo Testamento)
Gênesis 3, 6-10: Pecado: o homem perde a experiência do amor de Deus
Romanos 3, 23: O pecado causa a privação da glória de Deus
Mateus 5, 8: Os puros verão a Deus

Sabedoria 2, 24: “Foi por inveja do demônio que a morte entrou no mundo
Romanos 6, 23: “Porque o salário do pecado é a morte”

Catecismo da Igreja Católica (CIC) - Parágrafo 400
A harmonia na qual estavam, estabelecida graças à justiça original, está destruída; o domínio das faculdades espirituais da alma sobre o corpo é rompido; a união entre o homem e a mulher é submetida a tensões; suas relações serão marcadas pela cupidez e pela dominação (cf. Gn 3, 16). A harmonia com a criação está rompida: a criação visível tornouse para o homem estranha e hostil. Por causa do homem, a criação está submetida "à servidão da corrupção". Finalmente, vai realizar-se a conseqüência explicitamente anunciada para o caso de desobediência: o homem "voltará ao pó do qual é formado" A morte entra na história da humanidade.

Gênesis 3, 1-6.13 / João 8, 44: O demônio é a causa primária do pecado
Romanos 7, 14-20 / Tiago 1, 14-16: A Natureza humana é a causa secundária do pecado

Ação do Maligno através de nossos pecados

Gênesis 3, 1-5: Eva quis ser igual a deuses.
João 13, 26-27: Judas Iscariotes indo trair Jesus
Efésios 4, 26-27: "Não se ponha o sol sobre o vosso ressentimento. Não deis lugar ao maligno"

I João 1, 8-10: "Se dizemos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós. Se reconhecemos os nossos pecados, (Deus aí está) fiel e justo para nos perdoar os pecados e para nos purificar de toda iniqüidade. Se pensamos não ter pecado, nós o declaramos mentiroso e a sua palavra não está em nós."

Mateus 9, 12: Necessidade de nos reconhecermos pecadors
Mateus 9, 2: Jesus perdoa os pecados
João 20, 23: Jesus deu à Igreja poder para perdoar pecados
João 16, 8-9: Graça de reconhecer que somos pecadores

Catecismo da Igreja Católica - Parágrado 409
"Esta situação dramática do mundo, que "inteiro está sob o poder do Maligno" (1Jo 5,19), faz da vida do homem um combate: Uma luta árdua contra o poder das trevas perpassa a história universal da humanidade. Iniciada desde a origem do mundo, vai durar até o último dia, segundo as palavras do Senhor. Inserido nesta batalha, o homem deve lutar sempre para aderir ao bem; não consegue alcançar a unidade interior senão com grandes labutas e o auxílio da graça de Deus"

Trechos




Um comentário:

  1. DEUS ABENÇOE,MEU NOME E CACILDA GUEDES SOU COORDENADORA DO GRUPO DE ORAÇAO EM MANGA, MG

    ResponderExcluir

Obrigado por visitar meu blog ! Deixe seu comentário com sugestões, criticas, reflexões.

Que a Paz de Jesus e o Amor de Maria esteja contigo !
Deus lhe abençõe e derrame seu Espírito Santo sobre sua vida para que viva a Santidade e Busque As Coisas do Alto!